1 1
Cultura monitorada proporciona maior garantia de lucro

Por Mauro Banderali*

Os imprevistos na área agrícola são muitos. Eles vão desde chuvas e geadas até o ataque de pragas e doenças nas plantas. Em um mercado cada vez mais competitivo, somente aqueles produtores que investem infra-estrutura e alta tecnologia é que se manterão na atividade.

Por esta razão, a tecnologia para controlar o microclima agrícola em ambiente protegido é uma boa solução de investimento em segurança de produtividade. E o monitoramento, com uso do cultivo protegido, é uma boa saída para isso.

Ambos são ferramentas essenciais para a minimização de riscos. Com o acompanhamento do microclima é possível avaliar a qualidade e a produtividade da cultura, fazer o controle de pragas, prevendo quando vai ser a sua época de incidência. E nas estufas, os riscos contra intempéries climáticas e a incidência de doenças são reduzidos, o que diminui o uso de agrotóxicos, agredindo menos o meio ambiente. Além disso, é possível economizar água e fertilizantes com a implantação de um sistema de fertirrigação. Isto elimina também o problema de lixiviação por conta das chuvas, deixando de contaminar as águas subterrâneas. Se realizado continuamente, durante as várias fases da cultura, o monitoramento do microclima permite, inclusive, a análise de dados ao longo do tempo, o que facilita a definição das providências a serem tomadas.

Com todo este sistema é possível controlar épocas de frutificação e floração das palantas, avaliar a quantidade de luminosidade e água necessárias, além de produzir durante o ano todo. Isto permite uma vantagem comercial para o produtor. O de flores, por exemplo, consegue programar que a produção fique pronta em datas específicas como Dia dos Namorados ou Dia das Mães, entre outras, por exemplo. Ele também reduz gastos com mão-de-obra, graças à automatização do processo produtivo.

Para este trabalho já existem no mercado dois equipamentos disponíveis: o Weather Tracker e o TDR-300. O primeiro monitora condições de campo, bem como alerta para doenças de plantas e presença de insetos, informando graus dia, horas frio e monitoramento de temperatura (valores mais altos e mais baixos). O segundo é utilizado para acompanhamento da umidade do solo, auxiliando na irrigação.

Todos os tipos de hortaliças como tomate, pepino, morango, verduras, entre outras, podem ser cultivadas em estufas e terem o seu microclima monitorado. Este tipo de cultivo também é muito utilizado para a formação de flores, frutas e plantas ornamentais.

*Mauro Banderali é Engenheiro Agrônomo e ocupa o cargo de Diretor-Presidente da empresa especializada em monitoramento e remediação ambiental Ag Solve.

Busca:
Dólar:
Euro:
Revista ABCSEM
Fone/Fax: (19) 3243 6472
abcsem@abcsem.com.br
Av. Papa Pio XII, 847 sala 22 - Jardim Chapadão
Campinas - SP - CEP 13070-091
Horário de Funcionamento:
Segunda à sexta das 8h às 17:30h
A ABCSEM
Agenda
Associados
Informações do Setor
Legislação
Serviços
Parceiros
Sala de Imprensa
Notícias
Publicações
Associe-se
Contato
© 2020 - ABCSEM - Associação Brasileira do Comércio de Sementes e Mudas - webdesign - CG Propaganda