1 1
Tomate industrial: o Brasil está entre os dez maiores produtores da hortaliça no mundo

O produtor de tomate industrial deve ter conhecimento do sistema de cultivo e da tecnologia moderna, visando maior eficiência do processo produtivo

 

O tomate é considerado a hortaliça mais universal, oferece maiores opções de industrialização tendo, por isso, elevada importância econômica.
 
O tomateiro tem grande adaptabilidade climática, podendo ser cultivado em climas tipo tropical de altitude, subtropical e temperado, o que permite seu cultivo em diversas regiões do mundo. Como alimento, na forma in natura ou processado, agrada ao paladar de povos de todos os continentes. Por isso, o tomate é considerado a hortaliça mais universal dentre todas. É, também, a  que oferece maiores opções de industrialização, produzindo diversos tipos de derivados, tendo, por isso, elevada importância econômica.
 
A partir da década de 70, houve um rápido crescimento da indústria de processamento de tomate no Brasil, o que provocou uma grande expansão da área cultivada com essa hortaliça. Hoje, o país está entre os dez maiores produtores de tomate industrial do mundo, sendo os Estados Unidos o líder mundial.
 
Sua cadeia de produção e processamento tem alta demanda de mão de obra, o que confere grande importância social a essa atividade. No campo, as operações que demandam mais  trabalhadores são o transplante, a capina e a colheita, realizados manualmente. Em virtude de sua importância econômica e social, muitas pesquisas são feitas sobre a cultura do tomate, o que gera um pacote tecnológico que visa a maior produtividade, menores custos de produção e maior eficiência do processo produtivo.
O crescimento da demanda nacional por produtos oriundos do tomate e seus derivados tem sido suprido com o aumento da produtividade industrial, processo facilitado pela concentração da produção em áreas de cerrado (GO e MG) favorecidas pelo solo e clima, pela adoção de tecnologias avançadas e por novos métodos de manejo na cultura, incluindo técnicas mais eficientes de irrigação, associadas às novas fórmulas para nutrição de plantas.
 
O curso “Produção de Tomate para Indústria”, elaborado pelo CPT - Centro de Produções Técnicas, apresenta o sistema de produção do tomate industrial; desde a formação das mudas, a escolha da área, o preparo do solo, o plantio e o manejo da cultura no campo, até a colheita; apresentando a mais moderna tecnologia, empregada nas grandes regiões produtoras do país. Nele você receberá informações do engenheiro agrônomo Marcos Tadeu de Moraes Sala Sansão, da Eucatex-Agro.

 
 

Como alimento, na forma in natura ou processado, agrada ao paladar de povos de todos os continentes.
 
Após fazer o curso e ser aprovado na avaliação, o aluno recebe um certificado de conclusão emitido pela UOV – Universidade On-line de Viçosa, filiada mantenedora da ABED – Associação Brasileira de Educação a Distância.
 
A produção de tomate industrial é estritamente vinculada à indústria, ou seja, ela é que determina o quanto deve ser produzido. Por isso, a decisão de se plantar essa hortaliça deve estar condicionada à existência de uma indústria de processamento na região onde está a propriedade. O produtor deve contatá-la, antes de começar a plantar, para averiguar a possibilidade de fazer um contrato, ou acordo de compra e venda. Só depois deve determinar a área a ser cultivada, a partir da demanda, e o escalonamento, para ter a matéria-prima no momento em que se precisa.
 
O padrão de qualidade exigido pela indústria de processamento são frutos completamente maduros, com coloração vermelho-intensa e uniforme, sem o pedúnculo e outras impurezas, livre de sintomas de pragas e doenças, danos mecânicos e fisiológicos.


Fonte: CPT – Centro de Produções Técnicas (www.cpt.com.br)

 
Busca:
Dólar:
Euro:
Revista ABCSEM
Fone/Fax: (19) 3243 6472
abcsem@abcsem.com.br
Av. Papa Pio XII, 847 sala 22 - Jardim Chapadão
Campinas - SP - CEP 13070-091
Horário de Funcionamento:
Segunda à sexta das 8h às 17:30h
A ABCSEM
Agenda
Associados
Informações do Setor
Legislação
Serviços
Parceiros
Sala de Imprensa
Notícias
Publicações
Associe-se
Contato
© 2020 - ABCSEM - Associação Brasileira do Comércio de Sementes e Mudas - webdesign - CG Propaganda